Má gestão de resíduos: Quais os impactos causados?

Publicado em: 22/11/2022

Má gestão ambiental: Quais os impactos?

Veja tudo o que pode acontecer se sua empresa fizer uma má gestão de resíduos

Os impactos provenientes de uma má gestão de resíduos sólidos, de modo geral são poluições. Dentre elas, podemos encontrar: Atmosférica, hídrica, do solo, visual, e dependendo do tipo de resíduo pode ser prejudicial para a saúde pública.

Além disso, empresas que não fazem uma boa gestão dos resíduos que são gerados, podem sofrer graves penalidades. Neste artigo, você verá tudo o que precisa em relação aos impactos causados por isso.

Boa parte dos mais de 5.500 municípios do país ainda não dispõe de recursos técnicos e financeiros para resolver os problemas voltados para uma má gestão de resíduos. Dessa forma, tanto a sociedade, quanto a economia sofrem, já os impactos ambientais, são um grave efeito colateral causados por conta de negligência.

Os resíduos variam dos orgânicos aos inorgânicos, podendo ir dos industriais até o lixo doméstico, no entanto, todo que é sólido tem algum valor. Por isso, fazer uma administração adequada pelas empresas impacta diretamente na economia do país. Toda geradora de resíduos é responsável por tudo o que gerou. Isso vai desde a fase inicial, até a acomodação, separação e destinação final.

O principal objetivo do gerenciamento de resíduos é minimizar os impactos ambientais e melhorar a qualidade de nossos recursos naturais, além da saúde pública.

Neste artigo abordaremos os seguintes temas:

  • Consequências de uma má gestão de resíduos
  • Poluição e demais impactos
  • De que forma gerenciar os resíduos corretamente?

Consequências de uma má gestão de resíduos

Empresas que gerem mal os resíduos, podem contaminar o meio ambiente e trazer graves problemas para a saúde do solo, da água e de modo geral.

É de suma importância saber que os resíduos estando bem protegidos e geridos, contribuirão para a preservação do meio ambiente. Assim, evitará impactos socioambientais e à saúde pública.

Além disso, dependendo de como a empresa gere, podem causar poluição visual, além do solo e do lençol freático. Quem pratica essas atividades ilegais podem ser penalizados com multa ou até paralização de atividades. Já nos casos mais graves, o resultado pode ser prisão para os responsáveis.

A lei nº 12.305/2010 prevê a Política Nacional de Resíduos Sólidos (PNRS), que destaca a responsabilidade das empresas pela gestão de resíduos da forma correta. Essa lei orienta na implementação das diretrizes de gestão integrada, que estimulem as empresas a adotarem uma gestão responsável e ambientalmente correta.

A resolução 001/86 CONAMA define impacto ambiental “qualquer alteração das propriedades físicas, químicas ou biológicas do meio ambiente, causada por qualquer matéria ou energia resultante de atividades humanas que, direta ou indiretamente afetem: A saúde, segurança e o bem-estar da população, atividades sociais e econômicas, biotas, condições estéticas e sanitárias e o meio ambiente e a qualidade dos recursos ambientais”.

Além de todos os tipos de poluição pelo descarte inapropriado, pode resultar em problemas graves para a saúde pública e ao meio ambiente de forma geral. Isso está relacionado especialmente a famílias que sobrevivem de coleta e comércio de materiais que encontram nos lixões.

Por conta disso, a PNRS se torna uma regulamentação importante. Isso porque, além de conter instrumentos que permitam o avanço do país no combate a problemas causados pelo descarte incorreto.

Para quem possui uma empresa, a PNRS é fundamental para evitar prejuízos financeiros, além de ajudar a preservar a imagem do estabelecimento e principalmente minimizar os impactos ambientais, sociais e econômicos que suas atividades podem causar.

Poluição e demais impactos causados por uma má gestão

Resumidamente falando, o conceito de poluição se dá a degradação do meio ambiente por um ou mais fatores prejudiciais.

Os poluentes podem ser causados tanto pela liberação de matéria quanto de energia. Além disso, o problema da poluição é muito mais antigo, e ganhou ainda mais destaque a partir da segunda revolução industrial.

Poluição Atmosférica

Este tipo de poluição está diretamente ligado a contaminação através de: Gases, partículas sólidas, líquidos em suspensão, material biológico ou energia. Estes são alguns “ingredientes” responsáveis por este tipo de dano no ecossistema.

A poluição do ar, ainda é uma das maiores responsáveis pelo aquecimento global, que é um dos grandes problemas ambientais a serem combatidos.

Poluição hídrica

Poluição hídrica

Poluição da água

A poluição na maioria das vezes acontecem pela forma com a qual gerimos os nossos resíduos. Por conta disso, um grande risco ambiental é a poluição hídrica.

Ela é caracterizada pela introdução de qualquer resíduo ou energia que modifique as propriedades físico-químicas de um corpo d’água.

Além disso, os principais responsáveis por este tipo de poluição são os chamados efluentes industriais. Ou seja, produtos químicos, metais pesados, agrícolas, como são os casos de fertilizantes e agrotóxicos, chorume oriundo da decomposição de resíduos ou esgoto doméstico.

Ingerir ou entrar em contato com água contaminada provoca grandes problemas para a saúde. Isso serve tanto para a humana, quanto para a fauna. Além disso, a poluição da água causa mau odor e facilita a proliferação de microrganismos, reduzindo a chance de boa qualidade na vida aquática.

Este assunto é bastante delicado. De acordo com dados da OMS, do ano de 2011, pelo menos 2 milhões de pessoas, principalmente crianças abaixo dos cinco anos de idade, morrem por ano por conta de ingestão de água contaminada.

Poluição do solo

Este tipo de poluição corresponde a qualquer tipo de mudança na natureza ou na composição da terra decorrente do seu contato com produtos químicos e resíduos sólidos ou líquidos.

Além disso, ela é perigosa, afinal, pode tornar o solo inútil ou infértil. A poluição do solo também gera risco a saúde humana, dos animais e das plantas.

Já nas cidades, a contaminação dos solos se dá principalmente pelo acúmulo de lixo em áreas irregulares de descarte. Por outro lado, nas zonas rurais, o uso indevido de adubo e agrotóxicos químicos são os principais causadores pela poluição.

Este acúmulo de lixo pode resultar em outras situações, como é o caso de alagamentos e proliferação de endemias ainda.

Gostaria de fazer sua gestão de resíduos corretamente?

Contar com uma empresa que é especializada em fazer o gerenciamento de resíduos de forma ambientalmente correta é fundamental para evitar punições e cuidar do meio ambiente.

Além de oferecer todo este tratamento para a sua empresa, a Valoriza Ambiental te ajuda no fortalecimento da imagem de sua empresa. Isso porque, trabalhando com o marketing verde e pensamento sustentável, sua empresa ganha destaque entre as concorrentes e te trará novos clientes também.

Gostaria de conhecer os nossos serviços/ Preencha o formulário.